MS: empresa é multada por criar gado sem licença ambiental

Policiais Militares Ambientais de São Gabriel do Oeste (MS) autuaram nesta segunda-feira (27), uma empresa de confinamento de gado, que funcionava sem autorização do órgão ambiental competente. A atividade foi localizada no município de Camapuã, quando os policiais estiveram na fazenda no dia 23. No momento da vistoria, a empresa possuía 3.312 cabeças de gado e a secretária afirmou que havia licença ambiental para a atividade, porém, o documento estaria na matriz, localizada em Rio Claro (SP).

Policiais Militares Ambientais de São Gabriel do Oeste (MS) autuaram nesta segunda-feira (27), uma empresa de confinamento de gado, que funcionava sem autorização do órgão ambiental competente. A atividade foi localizada no município de Camapuã, quando os policiais estiveram na fazenda no dia 23. No momento da vistoria, a empresa possuía 3.312 cabeças de gado e a secretária afirmou que havia licença ambiental para a atividade, porém, o documento estaria na matriz, localizada em Rio Claro (SP).

Diante da afirmativa de haver licença, a PMA notificou a empresa a apresentar o documento até hoje, porém os responsáveis informaram que entrariam agora com o processo de licenciamento, e que não havia nenhuma licença ambiental.

O proprietário do local onde ficam os animais, de 68 anos, foi notificado a procurar o órgão ambiental para fazer a regularização da atividade. A empresa foi autuada administrativamente hoje e multada em R$ 30 mil. O proprietário responderá por crime ambiental de funcionar atividade potencialmente poluidora sem autorização ambiental, que prevê pena de detenção de três a seis meses.

O gado foi apreendido e a empresa foi colocada como fiel depositária dos animais, até a regularização da atividade.

Correio do Estado
Autor: Nilce Lemos
http://www.correiodoestado.com.br/cidades/empresa-e-multada-por-criar-gado-sem-licenca-ambiental/253453/

Voltar