Pecuária poderá confirmar crescimento de 83% no Valor Bruto da Produção

O Valor Bruto da Produção (VBP) da pecuária bovina em Mato Grosso, que considera o valor de tudo o que foi produzido no setor, cresceu 83, 4% nos últimos cinco anos. Os números divulgados pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) mostram uma projeção considerando o cenário para o fim deste ano. Se confirmadas as estimativas, a bovinocultura ainda pode crescer 2%, entre 2014 e 2015, caso os preços se mantenham nos patamares atuais.

O Valor Bruto da Produção (VBP) da pecuária bovina em Mato Grosso, que considera o valor de tudo o que foi produzido no setor, cresceu 83, 4% nos últimos cinco anos. Os números divulgados pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) mostram uma projeção considerando o cenário para o fim deste ano. Se confirmadas as estimativas, a bovinocultura ainda pode crescer 2%, entre 2014 e 2015, caso os preços se mantenham nos patamares atuais.

Com essa projeção, o VBP passaria de R$ 8,90 bilhões para R$ 9,08 bilhões, o que representaria aproximadamente 20% de todo o VBP da agropecuária do Estado. O crescimento ainda leva em conta a queda no abate de bovinos, que deve ser próxima a 17% neste ano em relação a 2014. A pecuária (bovinocultura, aves, leite e suínos) representa 26% do VBP do agronegócio mato-grossense.

De acordo com o superintendente da Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), Olmir Cividini, os números representam a importância da pecuária, mesmo em meio a um cenário de incertezas. “Temos expectativas boas para os próximos anos, principalmente para as exportações”, pontua. O embarque de carnes e miudezas para outras países aumentou 566% de janeiro a junho deste ano, passando de R$ 73 milhões para R$ 118 milhões.

Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat)
http://www.acrimat.org.br/

Voltar