Produção brasileira de leite deve recuar 3% no primeiro semestre

O Rabobank projeta recuo de 3% na produção de leite no Brasil neste primeiro semestre, com queda do consumo na mesma proporção. A avaliação é de que não haverá melhora devido à situação política e econômica atual. Paralelamente, os custos de produção devem se manter em alta.

O Rabobank projeta recuo de 3% na produção de leite no Brasil neste primeiro semestre, com queda do consumo na mesma proporção. A avaliação é de que não haverá melhora devido à situação política e econômica atual. Paralelamente, os custos de produção devem se manter em alta.

Apesar do real enfraquecido ante o dólar, o Rabobank aponta que os laticínios ainda enfrentam dificuldades de avançar no mercado internacional, em parte por causa da falta de acordos comerciais que favoreçam a indústria brasileira. Já os parceiros do Mercosul Argentina e Uruguai devem manter suas exportações firmes neste primeiro semestre.

No mercado internacional, os preços devem continuar caindo. Na Europa, os baixos preços pagos ao produtor devem pressionar a produção. Na Nova Zelândia, a safra 2015/2016 deve ser maior do que a projetada pelo mercado, por causa da falta de chuvas no verão. Assim, o excesso de produção novamente sustentará a formação de estoques.

Data de Publicação: 11/04/2016 às 09:30hs
Fonte: ESTADÃO CONTEÚDO
http://www.portaldoagronegocio.com.br/noticia/producao-brasileira-de-leite-deve-recuar-3-no-primeiro-semestre-142745

Voltar