Queda de preço e crise no setor derrubam valor de produção da pecuária em 5,3% no ano

A lavoura e a pecuária brasileiras vão acumular R$ 546,3 bilhões neste ano em receita, com aumento de 5,3% em relação ao valor financeiro do ano passado

Essa evolução se deve apenas à agricultura, que vai gerar renda de R$ 376,3 bilhões para os produtores. Se esse volume for confirmado, superará em 11,3% o do ano passado.

Os dados são do Ministério da Agricultura, que aponta, ainda, uma retração de 6% na atividade agropecuária (bovinos, suínos, frango, leite e ovos).

O valor bruto de produção desse setor recua para R$ 170 bilhões neste ano.

A bovinocultura, devido às crises ocorridas no mercado pela Operação Carne Fraca da Polícia Federal e pela delação dos donos da JBS, terá um queda de 5,4% no valor bruto de produção deste ano.

As receitas do setor vão recuar para R$ 67,9 bilhões.

O setor de frango, também afetado pela operação da PF e pela recessão interna da economia, cai 11,1%, com o valor de produção recuando para R$ 48,1 bilhões.

Os produtos de maior impacto para a formação da renda do produtor brasileiro são soja e cana-de-açúcar.

A líder soja, devido à safra recorde, deverá gerar receitas de R$ 117,6 bilhões. Já cana, em recuperação, sobe para R$ 76,8 bilhões, 51% mais. O valor bruto do milho, produto que também tem safra recorde neste ano, será de R$ 51,6 bilhões.
Data de Publicação: 19/06/2017 às 18:30hs
Fonte: Folha de S. Paulo

Voltar