Tendência de mudança no rumo do mercado de reposição

A procura por bovinos de reposição tem ganhado melhor ritmo em relação às últimas semanas, mas ainda não tem sido suficiente para reverter a tendência de paradeira do mercado

Aguardando o aumento da demanda, os pecuaristas investem na especulação antes de efetivar os negócios com seus animais de reposição. A capacidade de suporte das pastagens respalda esta estratégia.

No balanço da última semana, considerando a média de todas as categorias de machos e fêmeas anelorados pesquisadas pela Scot Consultoria, as cotações fecharam praticamente estáveis, registrando alta de 0,2%.

Com isso, já é décima quarta semana do ano que as variações de preços semanais não ultrapassam a barreira do 0,3 ponto percentual. Episódio que evidencia a pouca atividade do mercado de reposição.

Entretanto, gradativamente o cenário vai se remodelando.

Em médio prazo, a proximidade do período mais intenso de desmama e a chegada do primeiro giro do confinamento podem trazer mais efetividade para as negociações à depender da firmeza dos preços do boi gordo.

Data de Publicação: 18/04/2018 às 11:30hs
Fonte: Scot Consultoria

Voltar