Campanha do EPI arrecadará sete mil quilos de alimentos

Uma campanha inédita de troca de alimentos por EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) e luvas nitrílicas movimenta as 28 unidades da Coopavel. Em parceria com a Ihara, a campanha ressalta a importância da aplicação segura. A promoção Alimentando o Brasil com Segurança, que segue até 30 de novembro, é a primeira de uma série de ações de orientação para estimular o correto uso de defensivos agrícolas.

A expectativa é conseguir sete mil quilos de alimentos, que serão entregues a instituições de caridade das cidades onde a Coopavel tem unidades de atendimento. Cada kit é trocado por cinco quilos de alimentos não perecíveis, o mesmo ocorrendo com as luvas. São 800 kits de EPI colocados à disposição dos cooperados, informa o idealizador da campanha, o engenheiro agrônomo Andrei Mori.

O kit é trocado por arroz, feijão, farinha de trigo, fubá, farinha de mandioca, açúcar, óleo de soja, café, sal, macarrão, entre outros. “Ao mesmo tempo que pratica um trabalho de orientação dos mais responsáveis, a campanha colabora com entidades que dão enorme contribuição ao próximo”, enfatiza o presidente da Coopavel, Dilvo Grolli. “É bom perceber o envolvimento das gerências e dos colaboradores das unidades e o entusiasmo dos agricultores em poder participar”, complementa Andrei.



Proteção

A adoção de rigorosos procedimentos na aplicação de agroquímicos traz inúmeros benefícios, como combate aos desperdícios, preservação do meio ambiente e proteção da saúde do agricultor/aplicador. Andrei informa que a produção de alimentos saudáveis depende da conscientização do agricultor e dos consumidores. “Produzir com segurança é uma obrigação do produtor rural, que deve ser amparado, por sua vez, por boas práticas agrícolas e recomendações técnicas de qualidade”.


Legenda: A entrega dos kits movimenta as unidades da Coopavel em vários municípios



Crédito: Assessoria

Voltar